2010-05-31

Tudo sobre Você


Você me perseguiu
Eu peguei você
tão feliz que nós encontramos um ao outro
O nós sussurrou para sempre
para compartilhar nossas vidas juntos
para ver os sonhos se desdobram
E eu amo tudo sobre você
tudo o que você está
Você daria uma estrela cadente
Se eu lhe perguntasse
E eu não poderia viver um único dia sem você
você me segura em seus braços
e mais uma vez, eu sei
que eu sou única para você
O jeito que você ri, o jeito de fazer dança
do jeito que você segura minha mão
do jeito que você dá, o jeito de oscular letras
a maneira como você olha para mim
você faz a vida bela
Oh, eu amo a luz que brilha nos seus olhos
quando você fala...
e amo o jeito que você sorri
Oh, eu amo como você se preocupa e me quebranta
como a injustiça move o seu coração o suficiente
Você dá tudo o que você está
Eu amo tudo sobre você
Você me segura em seus braços
e mais uma vez eu sei
que eu sou a única para você
o único pra mim
o amor da minha vida
Tão contente que te encontrei



por Darlene Zschech

5 comentários:

Mila disse...

Adorei a poesia, linda mesmo.
Adorei seu jardim!
Bjs
Mila

Angelica de Brito disse...

Oi Priscila!
Tudo bem? Nossa, me surpreendi como depois que fiz uma pausa no blog ele recebe visitantes! rsrs
Vou resumir como fiz com o Thiago; fiz um outro blog, já que esse mesmo pouco acessado, todos já conheciam, e eu precisava de uma coisa mais minha, mais com as minhas palavras sem 'ofender ninguém' que me conhece. Fiz um outro blog com o nome de Aurélia Fernandes, por gostar do nome e 'para ninguém que eu não queira me achar'. Vou te seguir por ele, e assim que tiver um tempinho, irei xeretar no seu jardim que pelo visto é maravilhoso!
O blog é aureliafernades.blogspot.com
Obrigada mais uma vez pela visita e pelo comentário Priscila!
Ótima semana! =D
Beijos!

Sr do Vale disse...

uma poesia que capta e arrasta.

nereida disse...

Linda amiga, sua passagem por onde o tempo não pára... é sempre, para mim, memorável! Suas palavras são puro encantamento e a vontade que dá-me ,sempre,é postá-las no blog como poesia que são...
Obrigada , amiga. Sempre. Teu nome é poesia.

Juan Moravagine Carneiro disse...

Mergulhamos em seus escritos e nos perdemos facilmente...

linda imagem

abraço