2010-07-01

sinal

vestida de flor, integrada no despir cantante. o riso do recompor-se que faz vestido retornar à liberdade. o nu canção em consumação, a chama entre a voz e o silêncio. desenhável pétala por pétala, apanhar-se pérolas, e as tonalidades da música como decoração. em volta, tudo pegadas da vida em mar. o dentro que há na pele em visitas com melodias gotadas à sangue. a escutar, lábios e peito o reencontrar.

. canteiro pessoal

4 comentários:

Cláudio J. Gontijo disse...

Canteiro Pessoal.

Sou um Biólogo Mineiro divulgando a causa ambiental. Convido vcs a visitarem o Verde vida.

Seu espaço é generoso e sensível.

Felicidades em sua jornada.

Mila disse...

Sua escrita é linda sempre fala da vida, aquela verte em nosso corpo...muito inteso!
bjs linda
Mila lOpes

Pâmela Grassi disse...

Faço das palavras da Mila as minhas! Vestida de flor, integrada com as possibilidades das petálas tu se constitui!

um beijo

Canteiro Pessoal disse...

Mila e Pâmela,

"Aprender a ler a linguagem dos símbolos tem um efeito positivo na nossa auto-imagem e na nossa energia".

Portanto, que estejamos mergulhados na linguagem viva e renovável.

Obrigada pelas gentis palavras.