2010-12-06

Cantata

O oscular da cama com visão de ave, como porcelana delicada no diálogo memorável. As tardes e as horas da estação outonal na narração matinal. Das mãos de flor sussurrante: - Que terra nova é essa ? A vastidão que acalma, e os dedos começam a marcar o morango. O silêncio regulando a respiração, no mar, no vento, e do vivo e inteiro jardim da noite, que adormece dentro do movimento leve e íntimo.

Canteiro Pessoal




A corda do violoncelo fica vibrando sozinha
sob um arco invisível
[...]

Prado, Adélia

12 comentários:

Julia disse...

Oi, boa noite!
Obrigada pela visita.
Também gostei bastante do seu cantinho...
vou seguí-la!
Um abraço

Julia disse...

Oi, sou eu de novo! rsrs
Acho que não tem como te seguir, né?
Mas voltarei! rs

Canteiro Pessoal disse...

Julia, não coloquei o ícone seguidor. Terá que ir em painel, blogs que estou seguindo, adicionar, e inserir meu link, meio pelo qual alguns fizeram/fazem para seguir o Jardim Secreto.

Ps.: Amei sua visita!

Abraços

Leo disse...

Que lindo teu canteiro, sempre bem podado, limpo, leve. adorei!!

Beijos.

Suzana Martins disse...

O mar oscilando vontades. A noite adormecendo realidades...

O íntimo, o pessoal, a interioridade!!!^^

Beijos

Ira Buscacio disse...

Ola,

Estou retribuindo a visita. Acho bacana essa participação do amigo oculto, pq podemos ter acesso aos blogs amigos dos amigos.
Gostei daqui, um belo canto de canteiros.

Bj e boa semana

Canteiro Pessoal disse...

Leo, obrigada pelas gentis palavras.

----

Suzana, o íntimo, intimidade ser primordial: importante!

----

Ira, penso o mesmo. Amei a visita, volte sempre!

Abraços

valdivino disse...

Vim-lhe retribuir a visita, adorei sua visita, muito obrigado,o seu canteiro é um amor.

Se me permitires voltarei mais vezes.

abraços.

Canteiro Pessoal disse...

Valdino, claro que podes voltar, será um prazer recebê-lo, criar novos laços.

Abraços querido

Majoli disse...

Olá Priscila, gosto da combinação de seu texto com imagem, a mim me passa paz.
Tenha uma deliciosa noite.
Beijos no ♥

Paulo disse...

Ler-te virou um vício. Palavras bem articuladas movimentam-se na tela e nos envolvem.

Muito bom

Canteiro Pessoal disse...

Majoli, que bom!

----

Paulo, nossaaa... agradeço-te pelas palavras ofertadas e pelo que exprimiu no e.mail lido à tarde.

Abraços querida e [o]